X
nada
Home
Quem Somos
Contato
Autos
Aviação
Beleza
Casa & CIA
Gastronomia
Imóveis
Eletrônicos
Jóias
Moda
Náutica
Serviços
Viagens
Viver Bem

 

Mercado brasileiro de aviação executiva
São Paulo sedia o maior evento do setor da América Latina

Divulgação
LABACE evidencia a ascensão do segmento áereo no Brasil
Atualmente, o Brasil possui a segunda maior frota de aviação geral do mundo, segundo uma pesquisa da Associação Brasileira de Aviação Geral (ABAG). Dentro deste segmento, encontra-se o mercado de aviação executiva, o qual vem apresentando um expressivo crescimento no Brasil. Evidenciando o grande potencial do País no setor, a Latin American Business Aviation Conference & Exhibition (LABACE), principal evento de aviação executiva da América Latina, realizada em São Paulo.

À frente de países como México, Venezuela, Argentina, Colômbia e Chile, o Brasil é o país que possui o maior mercado no segmento de aviação executiva na América Latina. Entre os fatores que impulsionam a expansão da frota no País, destacam-se o crescimento da economia brasileira; a valorização da moeda nacional, facilitando a importação; a descentralização da atividade econômica no País, que gera maior fluxo de tráfego aéreo; e a internacionalização das empresas brasileiras, como a Ambev.

Portal do Luxo
O imponente Falcon 900 EX, um dos dois jatos executivos da Dassault
A frota atual específica da aviação executiva no Brasil é de 1.650 aeronaves, sendo 650 helicópteros, 350 jatos e 650 turboélices. A cidade de São Paulo, principal centro econômico do País, concentra 35% (577 aeronaves) de toda essa frota executiva. Em relação à aviação geral, o Brasil possui a segunda maior frota do mundo com 12.505 aviões e 1.325 helicópteros. O Brasil possui 4% de todos os helicópteros do mundo, segundo a IHST (International Helicopter Safety Team).

Nos últimos dez anos, a frota de helicópteros do Brasil cresceu 58,6%, um ritmo três vezes maior do que a frota de aeronaves em geral, que aumentou 18,7%. Dos 1.325 helicópteros civis em todo o Brasil, 541 estão no Estado de São Paulo, o estado com maior número de helicópteros no Brasil. Na sequência está o Estado do Rio de Janeiro que possui 285 helicópteros cadastrados e o Estado de Minas Gerais com 139 helicópteros cadastrados, sendo que quase a sua totalidade registrados na cidade de Belo Horizonte, onde estão 124 aeronaves.

Somente na cidade de São Paulo estão 452 helicópteros, na cidade estão 57% dos 473 helipontos do Estado de São Paulo. Na capital são 272 helipontos, 1 no Palácio dos Bandeirantes que é de uso restrito do Governo do Estado e outros 271 de uso particular, pertencentes a empresas, bancos, indústrias, hospitais, hotéis etc. O bairro da Vila Olímpia, em São Paulo, possui mais helipontos do que pontos de ônibus. Assim como o Brasil é o País com maior frota de aviação executiva do mundo, a cidade de São Paulo concentra a maior frota de helicópteros urbanos do mundo. Em segundo lugar está a cidade Nova York, com 445 helicópteros. Atualmente, a capital paulista é a única cidade do mundo que possui um controle de tráfego aéreo exclusivo para helicópteros.

Divulgação
Legacy 600, maior avião da Embraer

Reflexo da ascensão contínua do Brasil no mercado de aviação executiva, a edição 2011 da LABACE, principal evento do setor na América Latina, será realizada na cidade de São Paulo nos dias 11, 12 e 13 de Agosto de 2011. É uma grande oportunidade para empresários e executivos de grandes empresas firmarem negócios, a LABACE movimenta em torno de US$ 340 milhões, apresentando um crescimento ano após ano, atraindo mais de 11 mil visitantes.

Continua...